Usuário:Dr03ramos/Infinível

De Minecraft Wiki
Ir para: navegação, pesquisa

Infinível, que quer dizer "nível infinito", é um mapa de sobrevivência da Edição Bedrock feito pelo dr03ramos.

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Infinível foi criado na Edição Pocket Alpha 0.15.4, como uma tentativa de fugir da mesmície de planícies, floresta de bétulas e taigas. Foi pesquisando uma seed legal e com vários biomas no YouTube que seu criador encontrou um mundo com o spawn na divisa entre um bioma de selva e um bioma de terras áridas. Perfeito.

Devido à falta de prática do criador do mundo na mecânica de PVE (Player versus entidade) e o celular com baixo desempenho gráfico, o mundo está na dificuldade pacífica.[1]

Atualmente, o mundo já teve duas bases: a primeira, situada perto do spawn original e outra a 20 chunks de distância, predominantemente em uma planície.

Primeira base[editar | editar código-fonte]

Infinível Primeira base.jpg

A primeira base foi construída em torno do spawn original do mapa. Percebe-se nas fotos ao lado que a decoração não era uma prioridade e que o objetivo era... na verdade, não tinha um objetivo.

Montanha Infinível[editar | editar código-fonte]

Infinível Montanha.jpg

O coração do mapa, essa montanha foi gerada naturalmente e teve o nome do mapa escrito em seu topo. Foi todo um cálculo para alinhar essas letras ao formato da montanha.

Mapas e portal do Nether[editar | editar código-fonte]

Uma visão geral da base, ao lado do portal do Nether, que foi desativado após a troca de base.

Plantação semi-automática[editar | editar código-fonte]

Infinível Plantação 1 base 1.jpg

As entidades funcionam diferente da Edição Java para a Edição Bedrock, então era praticamente impossível fazer as farms de plantação do YouTube que usavam um pistão apontado para cima com uma areia para liberar água e quebrar as sementes, pois na Bedrock a água empurra a entidade da areia caindo.[2] Eu fui descobrir isso apenas mais tarde, junto com a lógica da redstone.

Mas após vários modelos de plantações automáticas, a que prevaleceu foi essa mini farm semi-automática de rentabilidade duvidosa. Após a plantação manual das sementes, bastava colocar água em um bloco específico para que toda as plantas caíssem em uma corrente de água mais baixa, que levava tudo para um baú. Mas esse modelo logo foi substituído por um vertical, que produziu mais sementes.

Topo da montanha[editar | editar código-fonte]

Infinível Topo da montanha.jpg

Subindo uma escadaria ao lado da montanha, chega-se ao topo da montanha, que tem uma vista da base e da parte de trás das letras do Infinível. Só isso mesmo.

Casa[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa 1.jpg

A casa é a parte mais inútil dos mapas de Minecraft, servindo apenas para armazém. Então aqui, imponência e decoração foram aspectos deixados de lado.

Interior[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa 1 interior.jpg

Absolutamente nada, senão uma escada que leva para o armazém e um alçapão que levava para uma sala de encantamentos.

Farm de cacto[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa 1 cacto.jpg

Eu achei muito legal quando descobri que era possível fazer uma farm de cactos apenas com os materiais que eu tinha. Daí eu fiz uma em torno da escada que leva ao armazém. Os itens coletados nessa farm vão diretamente para lá.

Armazém[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa 1 armazém.jpg

Com nome auto-explicativo, o armazém tinha diversos baús com todos os meus itens e um espaço para fundição. Quando mudei de base, levei todos meus itens para a base nova.

Farm de ferro e aldeões[editar | editar código-fonte]

Infinível Farm ferro 1.jpg

Já existiam modelos na internet, mas esse fui eu quem planejei. Combinando as mecânicas de vilas de antes da Atualização Village and Pillage, era possível coletar barras de ferro e aldeões bons no mesmo espaço. Minha cabeça quase explodiu quando eu vi que tinha funcionado.

Mas os aldeões iniciais da farm, necessários para começar a reprodução e nascimento de golens de ferro, foram obtidos através do modo criativo, motivo pela qual todos os aldeões foram mortos e essa farm, descontinuada e abominada.[3]

Plantação vertical[editar | editar código-fonte]

Infinível Plantação 2 base 1.jpg

Facilitou bastante o comércio com os aldeões. São 5 andares, cada um com um tipo de semente.

Farm de cana de açúcar[editar | editar código-fonte]

Uma farm simples, construída com o objetivo também de ajudar no comércio com aldeões. Abaixo dela havia uma montanha de 20 blocos que foi aplainada.[4]

Nether skills[editar | editar código-fonte]

Infinível Nether skills.jpg

Uma espécie de escultura formada com os vários portais do Nether gerados errado depois que eu mudei de base e desativei meu portal principal. Tá gerando bastante obsidiana, então não vai ser consertado esse problema por um tempo.

Segunda base[editar | editar código-fonte]

Infinível Segunda base.jpg

Uma base menor e para a qual me mudei há pouco tempo. Aqui a gente já está mais preocupado com decoração do que na primeira base, e uma eventual visita de outros players ao mapa.

Main casa[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa 2.jpg

A casa principal, eventualmente chamada como mansão, foi construída com o objetivo de ser a casa mais imponente do mapa e de concentrar o máximo de recursos, farms e coisas possíveis em torno dela.

Cozinha[editar | editar código-fonte]

Falta muito para ser semelhante a uma cozinha. Antigamente era uma sala de poções e coisas relacionadas à fermentação.

Kanto kente[editar | editar código-fonte]

Um canto da casa com várias fornalhas automatizadas e também normais, além de uma fogueira. Parece virtualmente aconchegante.

Quarto e armazém[editar | editar código-fonte]

O segundo andar é reservado para os baús e para servir de quarto. A ideia inicial era ser o lugar que eu mais passasse tempo no mapa, e deu certo. Após uma reforma, dá pra ver quase toda a base daqui.

Cobertura e porão[editar | editar código-fonte]

Ainda não concluídos. A cobertura é basicamente o telhado da casa, ainda não há uma função definida para ela. O porão será uma construção subterrânea que vai ser lugar de algumas farms e vai conectar todas as construções da base.

Estábulo[editar | editar código-fonte]

Um lugar para guardar meu meio de transporte, um cavalo. Anteriormente ele ficava, bem... dentro da casa.

Reforma[editar | editar código-fonte]

A primeira grande reforma da casa principal aconteceu no início de 2020, e já estava para acontecer desde que ela foi construída. A casa (foto da esquerda na galeria) foi construída quadrada e sem decorações. A reforma deu pilastras à casa e principalmente, um telhado, porque não tinha. A ideia original era ter um monte de plantas na casa, mas acabou que ficou desse jeito (foto da direita).

Passagem secreta[editar | editar código-fonte]

A casa tem uma passagem secreta. Não vou falar onde que é, porque é secreta.

Casa dos visitantes[editar | editar código-fonte]

Infinível Casa dos visitantes.jpg

Raramente aparece alguém para jogar comigo no mapa, e sempre são pessoas diferentes. Essa casa é de quem ser convidado a entrar no mapa. O objetivo, além de ocupar espaço com uma casa bonita, é servir de local de armazém dos itens dos visitantes, onde eles pegam os itens antes de começar a jogar e ali o depositam antes de sair do mapa.

Canto do encanto[editar | editar código-fonte]

Infinível Canto do encanto.jpg

O lugar mais bunitinho da base, o canto do encanto é uma espécie de oca que eu projetei para servir de sala de encantamentos. Como era cheio de flores, quando foi lançada a atualização Buzzy Bees coloquei uma colmeia, como se as abelhas fossem as guardiães do local e essa foi uma ideia genial, quem concorda respira.

Farm de melancia e de abóbora[editar | editar código-fonte]

Infinível Plantação 1 base 2.jpg

Mudar de base significou também deixar para trás as farms lá existentes, então essa farm de melancia automática vai atender minhas necessidades por pelo menos um tempo.

Condomínio dos aldeões[editar | editar código-fonte]

Infinível Condomínio.jpg

Uma torre que serve de vila artificial perto da minha base e que é abrigo para 26 aldeões (2 de cada profissão). O prédio foi copiado da internet na cara dura.

Rio Infinível[editar | editar código-fonte]

Um rio que liga a base 1 e a base 2, e com um nome deveras criativo.

Transposição do rio Infinível[editar | editar código-fonte]

Uma pirâmide do deserto foi naturalmente gerada em cima do rio Infinível. E como isso na vida real não faria sentido nenhum, fiz uma transposição do rio, fazendo-o passar por outro lugar. Foi um dos projetos mais estressantes.

Módulo 2[editar | editar código-fonte]

Infinível Base 2 módulo 2.jpg

O módulo 2 é um lugar aberto com temática do deserto. Ainda em construção.

A ideia inicial é que aqui fosse um lugar para plantações.

Pirâmide gélida[editar | editar código-fonte]

É aquela pirâmide gerada em cima do rio Infinível, modificada. Serve de abrigo para a farm de neve.

Farm de neve[editar | editar código-fonte]

Infinível Farm de neve.jpg

Uma ideia originalmente minha, a farm de neve usa um golem de neve e pistões para farmar bolas de neve. A ideia não é de todo inútil, essa farm foi construída com o objetivo de ajudar na derrota do dragão Ender, futuramente. Mas por enquanto, ela está parada devido ao motivo de: os três baús duplos que eu tinha colocado encheram.

Trap para curioso[editar | editar código-fonte]

Nome auto-explicativo. Essa trap aproveita da superlotação da farm de neve para funcionar.

Nether[editar | editar código-fonte]

O Nether do meu mapa é a coisa mais feia que você já viu.

A fazer[editar | editar código-fonte]

Muitas coisas a fazer. Liste-as aqui, dr03ramos.

  • Farm de farinha de osso
  • Farm de lã
  • Iluminações, estradas
  • Farm de ferro
  • Nether hub da segunda base
  • Farm de alimentos (plantações)
  • ...

Notas de explicação[editar | editar código-fonte]

  1. Ativar a regra de jogo keepinventory é uma ideia que ainda não foi descartada.
  2. Eu era criança e não sabia usar redstone.
  3. Eu até podia consertar ela para funcionar depois da Village and Pillage, mas três coisas me fizeram desistir dela: eu já ia mudar de base, ia dar muito trabalho e eu tava com consciência pesada por causa do uso do modo criativo.
  4. Provavelmente foi menos que 20 blocos, mas devido à movimentação difícil da Edição Pocket pareceu bem mais.
  5. Entrando nesse portal aí, tem a farm de obsidiana, que serve para colocar as fontes de lava e depois largar água para formar as obsidianas.
  6. Nela, há um portal que leva para uma vila. Mas os aldeões entraram no portal e acabaram povoando essa fortaleza.

Usuário:Dr03ramos/nav