Você pode seguir a nossa conta no Twitter onde são publicadas notícias sobre Minecraft e links rápidos para a Wiki 

Servidor brasileiro no Discord

Você pode seguir a nossa conta no Facebook onde são publicadas notícias sobre Minecraft e links rápidos para a Wiki 

Edição Java

De Minecraft Wiki
(Redirecionado de Java Edition)
Ir para: navegação, pesquisa
Edição Java
Mclogo2.svg
Autor(es)

Mojang logo.svg Mojang AB

Plataforma(s)

WindowsWindows 10macOSLinux

Escrito em

Java

Última versão

1.13.2

Lançado em
Faixa etária
Tamanho
Licença

Termos de uso

Fonte disponível

Parcial (Veja abaixo)

Links

Minecraft: Edição Java é a versão original de Minecraft desenvolvido pela Mojang AB para Windows, Mac OS, e Linux. Notch começou o desenvolvimento em 10 de maio de 2009, divulgando publicamente a Minecraft em 17 de maio de 2009. O lançamento completo do jogo foi em 18 de novembro de 2011 na MineCon 2011.

Características únicas

Mojang vende a Edição Java diretamente, portanto não precisa passar pela certificação dos titulares da plataforma. O Mojang pode lançar as atualizações da edição Java sem atraso e adicionar recursos que não podem adicionar às outras edições.

A edição Java tem sua própria launcher. É necessário efetuar login com uma conta Mojang para jogar o jogo. Além da versão mais recente e do último instantâneo, a maioria das versões anteriores da Java Edition estão disponíveis através do iniciador. O iniciador permite perfis separados que são úteis para mods, versões de desenvolvimento, e versões antigas.

Somente a Edição Java possui software oficial para que os jogadores hospedem seus próprios servidores. O código da edição Java é mais facilmente modificado do que as outras edições, e por isso tem, de longe, as cenas mais robustas para mods e servidores personalizados. Realms para Edição Java é um serviço separado do Realms for Bedrock Edition.

Ao contrário Bedrock Edition, que não está disponível em computadores sem o Windows 10, a Java Edition oferece suporte a uma variedade de sistemas operacionais. Todos os proprietários da Java Edition podem resgatar uma cópia gratuita de Bedrock Edition para o Windows 10. Como eles são do mesmo preço, a compra de Java Edition é preferível à compra Windows 10 Edition por si só, porque o último não permitirá que você canse uma cópia gratuita da Edição Java.

Desenvolvimento

Veja também: Histórico de versões

Criação

Notch teve a idéia do Minecraft depois de jogar Infiniminer com outros membros dos fóruns TIG Source em 2009.[6] Outras influências incluem Dwarf Fortress, Dungeon Keeper,[7] e próprio projeto anterior de Notch, RubyDung.[8]

Notchface.png Percebi que era um jogo simples, mas que essa dinâmica tinha um grande potencial para se transformar em um ótimo jogo, e começou a aparecer com coisas que eu queria mudar e coisas que eu queria acrescentar.
Notch no minecraft.net[9]

Quando ele começou a trabalhar no Minecraft, Notch tinha planejado para que fosse apenas um pequeno projeto. Por exemplo, quando Notch lançou o primeiro vídeo do YouTube sobre Minecraft em 13 de Maio de 2009, ele ainda não havia decidido sobre um nome, e simplesmente se referiu a ele como um "jogo de caverna".[10][11] O nome "Minecraft: Order of the Stone" (uma referência a Order of the Stick, uma história em quadrinhos na web e "uma das melhores coisas na internet")[12] foi anunciado no dia seguinte,[13] e então, foi reduzido para "Minecraft" como era muito mais simples e impedia as pessoas de confundi-lo com Order of the Stick. O jogo foi finalmente lançado como um "simples singleplayer alpha privado" em 16 de Maio de 2009.[14]

Clássico

Minecraft 0.0.11a foi lançado publicamente um dia após o lançamento privado em 17 de Maio de 2009 o jogo recebeu menção sobre IndieGames.com no dia seguinte. Esta fase foi mais tarde chamado Minecraft Classic. Em julho, Minecraft foi reescrito para usar biblioteca de jogos Java Leve (LWJGL). [19] até o Minecraft Beta reintroduziu, clássico foi a única versão do Minecraft com o modo de jogo criativo, que permite ao jogador construir e destruir blocos, permitindo que a criação de todos os tipos de objetos. Os jogadores recebem uma quantidade infinita de cada bloco para construir com. Os jogadores podem ainda jogar o modo clássico de de graça no site oficial Minecraft no Singleplayer e também em Multiplayer e Notch afirmou ele permanecerá para fins históricos.

Teste de Sobrevivência

Teste de Sobrevivência foi lançado como uma versão do Classic em 1 de setembro de 2009. Foi a introdução do Modo de Sobrevivência. Nela, o jogador agora tinha que minar os blocos, enfrentar mobs, e tinha uma barra de saúde. Se o jogador morresse, o mapa foi perdido e, a não ser que seja feito backup, o usuário teria que começar de novo com um novo mapa, semelhante ao modo Hardcore.

Indev

Indev (abreviação de "In Development") foi lançado em 23 de dezembro de 2009, após Notch ter solicitações recebidas para deixar a comunidade experimentar novas funcionalidades que ele estava colocando no modo Survival. Indev versão 0.31 foi lançado ao público na minecraft.net / Indev e estão disponíveis somente para as pessoas que tinham comprado o jogo. Quando um novo jogo foi iniciado, o jogador iria aparecer em uma casa de madeira pré-fabricada.

Atualizações introduziu uma mais complexa e realista luz. Indev recebeu mais atualizações depois disso, adicionando algumas características fundamentais para o Minecraft. Durante sua vida útil, algumas atualizações foram dedicados principalmente para testar coisas novas, como tocha e ou incêndio. Exclusivo para Indev foi tipos de nível, semelhante a bioma s e as dimensões - por exemplo, Ilhas Flutuantes eo Sky Dimension, e Inferno e The Nether. Como Survival Test, se o jogador fosse para morrer, todo o progresso foi perdida.

Infdev

Infdev (abreviação de "Infinite Development") foi lançado em 27 de Fevereiro de 2010, e tornou-se a terceira fase do desenvolvimento do Minecraft. Ele contou com a importante adição de mapas que podem gerar infinitamente, o que ampliou as possibilidades de jogo ainda mais, bem como outros melhoramentos, incluindo novas receitas, nuvens em 3D, um novo gerador de terreno, um sistema de fluidos mais realista, e cavernas mais complexas. No entanto, Infdev desmantelou outras características, tal como o tema de mundo do Indev. Este por sua vez, marcou o fim de recursos como 'ilhas flutuantes' e 'dia permanente'. Essas remoções são compreensíveis, como principal objetivo de Infdev foi desenvolver mapas infinitos. No entanto, foram adicionadas algumas características de jogo extra e os itens, tais como a adição de carrinhos e a capacidade de renascer. Depois de ser substituído por Alpha em 28 de Junho de 2010, Infdev permaneceu disponível no site oficial do Minecraft até Setembro de 2010, quando foi removido, o que torna impossível de jogar, exceto com downgrades ou .jar.

Alpha

A versão Alpha foi lançada em 28 de junho de 2010, e trouxe muitas novidades para o Minecraft. Agora foi implantado o Multiplayer para a sobrevivência foi criado, e recursos como Circuitos Redstone, barcos, música nova (Jukebox), novos monstros, e um nível de dificuldade foram adicionados ao jogo.

A Atualização de Halloween em 31 de outubro de 2010, era uma grande atualização acrescentando biomas, Nether, novos mobs, blocos e itens, e outras mudanças.

Podia-se ver a introdução de biomas do Alpha, pelo menos em parte, de temas mundiais de Indev, e de fato o Nether não é diferente do 'Hell' tema mundo. Outra reintrodução em Alpha foi o retorno de vários jogadores. Ao contrário Criativo multiplayer Classic, multiplayer Alpha estava disponível apenas em forma de sobrevivência (logicamente chamado Survival Multiplayer).

Beta

O Beta foi o quinto estágio de desenvolvimento do Minecraft. O Beta foi lançado em 20 de Dezembro de 2010. O que foi lançado foram o novo logo e o novo launcher, conquistas e estatísticas, chuva, iluminação de luz/suave, Lãs coloridas e corantes, mais tipos de plantas (dois novos tipos de árvores e Grama longa), lobos e lulas, camas, e outros blocos e itens.

O Adventure Update foi um grande conjunto de atualizações, com foco em exploração, combate , e adicionou um fim ao jogo. Características adicionais incluem novo gerador de mundos, novos mobs, blocos, biomas, e itens. Mais estruturas adicionadas como; Vilas NPC, Strongholds, Mina abandonada. Alterando o gameplay incluindo um melhor sistema de combate incluindo critical hits e experiencia. Foi recolocado o modo Criativo, Hardcore, e um caminho para terminar o jogo indo ao The End e matando o Ender Dragon.

Originalmente planejado para sair no Beta 1.7, a primeira parte do Adventure Update foi lançado no Beta 1.8 em 14 de setembro de 2011. começando em 9 de setembro de 2011, developmental versions foi "vazado" pela Mojang.[15] Beta 1.9 nunca foi lançado, mas seis pré-lançamentos, utilizando o número da versão 1.9 foram disponibilizadas para os usuários para testar e relatar bugs de volta para a Mojang. Em 18 de outubro, um congelamento de recursos entrou em vigor e Mojang mudou tudo no Minecraft em desenvolvimento com o foco de corrigir bugs e preparar o jogo para o lançamento.[16] No dia 13 de novembro foi lançado um Release Candidate do 1.0, juntamente com uma atualização oficial para 1.8.1 que acrescentou sons na versão de desenvolvimento.[17]

Lançamento oficial

O Ender Dragon na dimensão do Fim

O lançamento oficial de Minecraft, Minecraft 1.0, foi lançado durante o MINECON em 18 de novembro de 2011 por Notch na cerimônia de abertura no 19:54 em GMT. Jeb confirmou o número da versão 1.0 em um tweet, ao mesmo tempo, afirmando que o jogo estaria oficialmente fora do Beta.[18] The release includes many features from the Adventure Update that were not included in Beta 1.8. A característica mais proeminente é um final para o jogo, que pode ser alcançado ao derrotar o chefe Dragão do End no The End. Para o registro de mudanças versão completa do Minecraft 1.0, veja esta página.

Esta é a versão do Minecraft que é cobrado a preço cheio (19.95, £16.95, US$26.95 ou R$99,00) para novos jogadores, mas os jogadores Alpha e Beta recebem essa cópia através de atualizações regulares. Após o lançamento, Notch disse em uma entrevista que estava nervoso em lançar um jogo completo que seria avaliado e revisado. Após o lançamento, o jogo foi bem recebido e recebeu altas avaliações de muitos sites de jogos e análises de fãs.

Atualizações subsequentes já foram lançadas, com adições como novas mecânicas de jogabilidade, novos mobs e biomas. Para a lista completa de adições desde o Minecraft 1.0, veja História de versões da Edição Java.

O jogo recebeu a legenda Edição Java em 1.12.2, separá-lo de Bedrock Edition, que foi renomeado para apenas Minecraft pela Atualização melhor em conjunto.

Em 6 de outubro de 2018, a Mojang disponibilizou partes do código para Edição Java Java, principalmente o mecanismo de comando Brigadiere e fixador de dados superior. Uma reescrita completa do mecanismo de renderização do jogo para lançamento 1.14 chamado "Blaze3D" está sendo considerado para código aberto.[19]

Requisitos de hardware

Veja também: Requisitos de hardware

De acordo com Ajuda da Mojang:


Requisitos Mínimos

  • CPU: Intel Core i3-3210 3.2 GHz or AMD A8-7600 APU 3.1 GHz ou equivalente
  • RAM: 2GB
  • GPU (Integrated): Intel HD Graphics 4000 (Ivy Bridge) ou AMD Radeon R5 series (Kaveri line) com OpenGL 4.4
  • GPU (Discrete): Nvidia GeForce 400 Series ou AMD Radeon HD 7000 series com OpenGL 4.4
  • HDD: Pelo menos 1GB para o núcleo do jogo, mapas e outros arquivos
  • OS:
    • Windows: Windows 7 ou superior
    • macOS: OS X 10.9 Mavericks
    • Linux: Quaisquer distribuições modernas a partir de 2014

Requisitos recomendados

  • CPU: Intel Core i5-4690 3.5 GHz or AMD A10-7800 APU 3.5 GHz ou equivalente
  • RAM: 4GB
  • GPU: GeForce 700 Series ou AMD Radeon Rx 200 Series (excluindo chipsets integrados) com OpenGL 4.5
  • HDD: 4GB (SSD é recomendado)
  • OS: (recomendado 64-bit)
    • Windows: Windows 10
    • macOS: macOS 10.12 Sierra
    • Linux: Quaisquer distribuições modernas a partir de 2014

Requisitos de software

  • Minecraft versão 1.6 ou mais recente. As versões mais antigas precisarão ser atualizadas para as versões atuais
  • Observe que alguns usuários experimentam problemas ao jogar no Minecraft enquanto usam uma versão incompatível do Java para seu sistema operacional (32 ou 64 bits), enquanto utilizam determinadas versões do Java 7 ou enquanto várias versões do Java estão instaladas.

Se você tem um laptop com uma placa gráfica embutida (integrada), ao invés de um cartão dedicado, é altamente recomendável que você tente a demo antes da compra.

É necessária uma conexão de internet estável para que o Minecraft possa baixar arquivos de jogos, autenticar nomes de usuários e conectar-se a servidores multiplayer. Você precisará baixar e executar o Minecraft enquanto estiver conectado à Internet pelo menos uma vez; Depois, você pode jogar sem conexão com a internet, mas terá de se conectar se você gostaria de receber atualizações ou jogar online.

O Minecraft não funciona em uma torradeira toaster (Apesar de alguns realmente usando Java), seu carro (Sinta-se livre para provar que estamos errados, embora), Windows RT tablets ou Chromebook.

Informações sobre os requisitos do sistema para executar um servidor Minecraft podem ser encontradas aqui.

Recepção

Avaliação (PC) Publicador
92.79% GameRankings
93/100 Metacritic
A+ 1UP.com
9/10 Edge
10/10 Eurogamer
9.25/10 Game Informer
8.5/10 GameSpot
5/5 GameSpy
9.0/10 IGN

Minecraft foi inicialmente vendido em Junho de 2009 e desde então já vendeu mais de 8,7 milhões de cópias. Minecraft recebeu grande aclamação da crítica e desde então se tornou um dos jogos mais influentes e bem sucedidos indie já lançados. O jogo foi elogiado pela liberdade criativa que concede a seus jogadores, e por quanto dinâmica a jogabilidade geral é. PC Gamer listou Minecraft como o quarto melhor jogo para jogar no trabalho.[20]

A revisão da versão Alpha, por Scott Munro do Daily Record, chamou-a de "algo já especial", e exortou os leitores a comprá-lo.[21] Jim Rossignol de Rock, Paper, Shotgun também recomendou a alpha do jogo, chamando-a de "um tipo de gerador Lego de 8 bits" S.T.A.L.K.E.R.: Shadow of Chernobyl.[22] Em 17 de setembro de 2010, o site de humor sobre jogos Penny Arcade começou uma série de histórias em quadrinhos e notícias sobre a dependência do jogo.[23] O show de discussão sobre video games Good Game deu-lhe um 7,5 e 9 de 10, elogiando sua criatividade e personalização, embora isso eles criticaram a falta de um tutorial.[24]

Em 5 de maio de 2011, Minecraft foi selecionado como um dos 80 jogos que seriam exibidos no Smithsonian American Art Museum, como parte de "The Art of Video Games", a exposição foi aberta em 16 de março de 2012.[25][26]

Prêmios

Troféus da Mojang

Desde o seu lançamento Minecraft já ganhou inúmeros prêmios, incluindo:

  • PC Gamer, "Jogo do Ano"[27]
  • Grande Prêmio do Independent Games Festival e "Prêmio do Público"[28]
  • Good Game, "Melhor Jogo para Download de 2010"[29]
  • Rock Paper Scissor, "Jogo do Ano"[30]
  • Indie DB's "Jogo Indie do Ano", "Mais Inovador e Melhor Singleplayer Indie"[31]
  • Game Developers Choice Awards, "Melhor Jogo de Estréia", "Melhor Jogo para Download" e "Prêmio de Jogo Mais Inovador"[32]

Referências

  1. "Minecraft DEJUS Rating" – Portal.mj.gov.br
  2. "Gamerating" – Www.gamerating.org.tw
  3. "Where can I buy Minecraft?" – Ajuda da Mojang, December 20, 2016
  4. "Programador: Jogue com o funcionamento interno do Minecraft!" by Tom Stone. Minecraft.net, 6 de outubro de 2018